Petrobras registra lucro de R$ 44,5 bi no 1T22, alta de mais de 3.000%

Além do balanço, a Petrobras aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 3,715490 por ação

A Petrobras (PETR3;PETR4) registrou um lucro líquido de R$ 44,561 bilhões no 1T22, resultado que significa uma alta de 3.718%, frente os R$ 1,167 bilhão registrados no 1T21, um ano antes.

O resultado veio acima do projetado pelo consenso da Refinitiv, que era de lucro de R$ 37,160 bilhões.

Já o lucro recorrente somou R$ 43,347 bilhões, alta de 2.969%, sobre os R$ 1,141 bilhão de um ano antes.

Além disso, o Ebitda da companhia foi de R$ 77,710 bilhões, aumento de 58% em comparação com os resultados do primeiro trimestre de 2021.

Dividendos

A Petrobras aprovou o pagamento de dividendos no valor de R$ 3,715490 por ação.

Data de corte: dia 23 de maio de 2022 para os detentores de ações de emissão da Petrobras negociadas na B3 e o record date será dia 25 de maio de 2022 para os detentores de ADRs negociadas na New York Stock Exchange (NYSE). As ações da Petrobras serão negociadas ex-direitosna B3 e na NYSE a partir de 24 de maio de 2022.

O pagamento ocorrerá em duas parcelas, sendo a primeira em 20 de junho e a segunda em 20 de julho.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas