Ibovespa oscila com greve e dados da inflação; dólar cai

Os indicadores da inflação continuam apresentando altas acima do esperado, enquanto as paralisações dos caminhoneiros ganham força no Brasil
Ibovespa, bolsa brasileira

O Ibovespa oscila entre perdas e ganhos na tarde desta quinta-feira (9), apesar de o início do dia ter operado em alta, corrigindo parcela das perdas. Os indicadores da inflação continuam apresentando altas acima do esperado, enquanto as paralisações dos caminhoneiros ganham força no Brasil.

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) subiu 0,87% em agosto, após alta de 0,96% no mês anterior, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta quinta. O acumulado de 12 meses até agosto chega a 9,68%, contra alta 8,99% do mês anterior.

A greve dos caminhoneiros, que teve início na quarta-feira (8), continua hoje. Pela manhã, a greve tinha se espalhado por 16 Estados do país. Após pedido do presidente da República, Jair Bolsonaro, a paralisação vai perdendo força. No momento, a greve continua em 12 estados brasileiros.

Nos Estados Unidos, as bolsas operam mistas nesta quinta depois de dados mostrarem queda nos pedidos de auxílio-desemprego no país para mínima em quase 18 meses.

Veja mais:

Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, operava em alta de 0,35%, cotado a 113.809,86 pontos às 13h30.

O dólar comercial registra queda de 0,91%, cotado a R$ 5,278.

Nos Estados Unidos, as bolsas estão mistas. O S&P 500 está operando em -0,06% (4.511,35), o Nasdaq registra +0,21% (15.317,90), enquanto o Dow Jones está em -0,03% (35.020,08).

Confira os destaques desta quinta:

Em discurso, Barroso rebate falas de Bolsonaro sobre eleições no Brasil

Dois dias após as afirmações de do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) às eleições e ao sistema das urnas eletrônicas durante as manifestações por ocasião do dia 7 de setembro, o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, fez um discurso em defesa do sistema eleitoral e rebateu as afirmações feitas pelo mandatário.

Em seu discurso, Barroso instituiu a Comissão de Transparência das Eleições de 2022. A comissão, que contará com 12 pessoas, será integrada por representantes da área de tecnologia e de representantes da sociedade civil. Além disso, está sendo instituída uma comissão de observação das eleições.

Governo defende PEC dos precatórios em meio à saraivada de críticas na CCJ

O governo voltou a defender a necessidade de uma solução para a pesada conta de precatórios para 2022, mas enfrentou uma saraivada de críticas à sua Proposta de Emenda à Constituição (PEC) em audiência realizada nesta quinta-feira na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados.

O secretário especial do Tesouro e Orçamento, Bruno Funchal, defendeu que o aumento da conta de precatórios a 89,1 bilhões de reais para 2022 foi “tão grande” que comprimiu as despesas discricionárias “muito mais do que se imaginava”, situação que tende a continuar acontecendo no futuro próximo.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas