JBS firma parceria com BB para estimular regularização ambiental de pecuaristas

A parceria contará com apoio dos 15 Escritórios Verdes da JBS, situados em regiões-chave para as atividades pecuárias da companhia

A fim de facilitar a contratação de crédito por parte de pecuaristas interessados em regularização ambiental, a JBS acaba de firmar parceria com o Banco do Brasil (BB).

Segundo informação da JBS antecipada ao Broadcast Agro (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado), a iniciativa “tem como objetivo conectar esses produtores ao BB”, que colocará à disposição uma equipe técnica “para auxiliar na adequação dos projetos de regularização ambiental e na indicação da linha de crédito ideal para cada situação”. Trata-se, enfim, de “uma ação conjunta para incentivar os produtores a formalizarem suas terras”.

A parceria contará com apoio dos 15 Escritórios Verdes da JBS, situados em regiões-chave para as atividades pecuárias da companhia.

“Os Escritórios Verdes farão a avaliação das necessidades de cada produtor para que eles busquem o financiamento necessário à adoção de boas práticas ambientais”, continua a JBS, que já anunciou anteriormente o compromisso de zerar o desmatamento ilegal na sua cadeia de fornecedores de bovinos até 2025.

“Nosso principal objetivo é ajudar os pecuaristas a resolverem seus passivos ambientais de acordo com a legislação brasileira”, reforça o presidente da Friboi/JBS, Renato Costa. “É isso o que buscamos com os Escritórios Verdes e a parceria com o Banco do Brasil vem para dar ainda mais força a esse objetivo.”

Do lado do Banco do Brasil, o principal financiador do agronegócio no País, a iniciativa contribui para cumprir seus “10 Compromissos em Sustentabilidade”, dentre os quais se destaca o fomento à agricultura sustentável, com o objetivo de alcançar o saldo de R$ 125 bilhões até 2025. “Atualmente já são mais de R$ 121,5 bilhões destinados pelo BB”, cita a JBS.

Os 15 Escritórios Verdes da JBS oferecem “suporte gratuito para produtores que possuem restrições ambientais, visando a regularização ambiental de suas propriedades”, cita a empresa, acrescentando que, nesses escritórios, há profissionais especializados, que diagnosticam problemas ambientais e respectivos caminhos para solucioná-los, além de uma rede de consultorias que atuam junto ao pecuarista para auxiliar na regularização ambiental.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas