OIBR3: “Eu prefiro ficar de fora”, avalia grafista

Durante participação na programação da BM&C News, o analista do BTG Pactual digital, Lucas Claro, disse que não teria a companhia na carteira e citou motivos
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Após o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovar a venda da Oi Móvel (OIBR3) para a TIM (TIMS3), Vivo (VIVT3) e Claro, os investidores seguem de olho nos rumos de que o ativo da companhia vai tomar.

Durante participação na programação da BM&C News, o analista do BTG Pactual digital, Lucas Claro, disse que não teria a companhia na carteira e citou motivos.

“Eu prefiro ficar de fora por alguns motivos: primeiro, sem fluxo ainda de compra consistente para que a gente possa aproveitar e ir junto; segundo, valor muito baixo, então qualquer centavo, percentualmente falando, ele equivale a bastante da operação”, pontuou.

O analista disse que existem outras ações no radar e citou a Tim, que entrou na discussão da carteira semanal do BTG “Se eu tivesse que escolher telefonia, hoje iria de Tim”, afirmou Lucas.

Confira a análise completa no vídeo abaixo:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas