Selic: Copom eleva taxa de juros para 7,75% ao ano, sexto aumento em 2021

A Selic fechou no maior nível desde novembro de 2017; previsão do Boletim Focus mostra taxa de juros em 8,75% em 2021
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
banco central 0506202748
Banco Central/Agência Brasil

Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central aumentou em 1,5 ponto percentual a taxa básica de juros, a Selic, nesta quarta-feira (27), em decisão unânime. Assim, a taxa passa de 6,25% para 7,75% ao ano, com objetivo de conter a pressão inflacionária, que está em 10,25% nos últimos 12 meses, de acordo com dados do BC.

Para a próxima reunião do Copom, que ocorrerá nos dias 7 de 8 de dezembro, é previsto um outro aumento semelhante. “O Comitê antevê outro ajuste da mesma magnitude. O Copom enfatiza que os passos futuros da política monetária poderão ser ajustados para assegurar o cumprimento da meta de inflação e dependerão da evolução da atividade econômica, do balanço de riscos e das projeções e expectativas de inflação para o horizonte relevante da política monetária”, destaca o BC.

A Selic fechou no maior nível desde novembro de 2017. A projeção de aumento da taxa de juros era esperada pelo mercado financeiro entre 1,25% e 3%, com grandes bancos prevendo alta de 1,5 p.p. devido à piora do debate fiscal, do cenário externo mais desafiador e das pressões sobre a inflação.

Veja mais:

Segundo o BC, a decisão visa um horizonte a longo prazo para o controle da inflação. “O Comitê entende que essa decisão reflete seu cenário básico e um balanço de riscos de variância maior do que a usual para a inflação prospectiva e é compatível com a convergência da inflação para as metas no horizonte relevante, que inclui os anos-calendário de 2022 e 2023”, afirmou.

Esse foi o sexto aumento em 2021. Especialistas avaliam que a taxa continuará aumentando neste ano. Conforme último Boletim Focus do Banco Central, a previsão é que a Selic termine em 8,75% este ano e em 9,5% para 2022. De acordo com bancos como Itaú Unibanco, Bank of America (BofA) e Credit Suisse, a taxa básica de juros pode chegar nos dois dígitos já no próximo ano.

O Banco Central informou que a ata da 242ª reunião do Copom será publicada no dia 3 de novembro, às 7h, antes da abertura do mercado. Será possível consultar pelo site do BC. 

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas