Pedro Guimarães oficializa pedido de demissão, diz jornal

Guimarães afirma que deixa o cargo para se "defender das perversidades lançadas" contra ele

Na tarde desta quarta-feira (29), Pedro Guimarães oficializou seu pedido de demissão da presidência da Caixa Econômica Federal, após um encontro com o presidente Jair Bolsonaro (PL), diz O Globo. 

Em carta dirigida aos brasileiros e colaboradores do banco, Guimarães afirma que está sendo alvo de uma “situação cruel, injusta, desigual e que será corrigida na hora certa com a força da verdade”. 

“Na atuação como Presidente da Caixa, sempre me empenhei no combate a toda forma de assédio, repelindo toda e qualquer forma de violência, em quaisquer de suas possíveis configurações”, diz na carta. 

Ainda durante a carta, ele ressalta que as acusações noticiadas não são verdadeiras. “Repito: as acusações não são verdadeiras e não refletem a minha postura profissional e nem pessoal”.

Guimarães afirma que deixa o cargo para se “defender das perversidades lançadas” contra ele e que não pode “prejudicar a instituição ou o governo sendo alvo de rancor político em um ano eleitoral”.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas