Greve de ônibus em SP termina após determinação do TRT

Além disso, o TRT aplicou multa de R$ 100 mil ao sindicato dos trabalhadores pelo descumprimento de liminar da Justiça

A greve dos motoristas e cobradores de São Paulo foi suspensa no final da tarde desta quarta-feira (29), após o Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2ª Região julgar como abusiva a paralisação. 

Além disso, o TRT aplicou multa de R$ 100 mil ao sindicato dos trabalhadores pelo descumprimento de liminar da Justiça nas paralisações dos dias 14 de junho e de hoje. 

Sendo assim, a Justiça determinou o retorno imediato dos motoristas e cobradores após o julgamento. 

Segundo o TRT, durante o julgamento, foi definido reajuste de 12,47%, que já havia sido acordado entre os trabalhadores e as empresas, e aplicada validade de um ano para as “cláusulas sociais e econômicas do acordo coletivo”.

“Foram indeferidas, ainda, quaisquer reivindicações que dependam de negociação prévia, além de não ter sido concedida estabilidade no emprego aos trabalhadores, em razão da abusividade do movimento”, diz o TRT.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas