CASH3: “é um ativo que no horizonte de dois meses pode dobrar”, avalia especialista

Wagner Caetano pontuou que Méliuz tem fundamentos extremamente descontados, bom fluxo e a ação tem excelente liquidez

As ações de Méliuz (CASH3) liderou as altas do Ibovespa na última quarta-feira (22) e abriu o mercado desta sexta-feira (24) entre os destaques. “Se houver a melhoria do fluxo com inflexão no Ibovespa, é um ativo que no horizonte de dois meses pode dobrar”, disse o professor da Top Traders, Wagner Caetano.

Na análise gráfica, Caetano pontuou que Méliuz tem fundamentos extremamente descontados, bom fluxo, a ação tem excelente liquidez e o gráfico teve um engolfo, que é quando um candle cobre um anterior, entre os dias 20 e 21 de junho.

“É uma ação que, do ponto atual, pode subir, até com algum grau de facilidade, 40%, 50% e até 60%. É inversamente proporcional a Selic e ao fluxo”, avaliou.

Além disso, o especialista destacou que a ação tem potencial de chegar a R$ 2,10 no curto prazo.

“É um momento de compra. Até quem já tem exposição e caixa pode ir as compras e melhorar o preço médio que é um sinal consistente de virada de reversão”, afirmou.

CASH3

Quer ter mais informações do mercado financeiro? Acompanhe nossa programação ao vivo:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas