Ibovespa fecha em queda na contramão das bolsas dos EUA

O principal índice da B3 encerrou em baixa de 1,45%, aos 98.080,34 pontos

O Ibovespa fechou em queda nesta quinta-feira (23), na contramão das principais bolsas dos Estados Unidos.

O principal índice da B3 encerrou em baixa de 1,45%, aos 98.080,34 pontos.

Nos EUA, o S&P 500 subiu 0,95%, Dow Jones ganhou 0,64% e Nasdaq avançou 1,62%.

Hoje, o presidente do Federal Reserve, Jerome Powell, testemunhou mais uma vez no Congresso norte-americano, desta vez na Câmara dos Representantes.

Powell comentou na quarta ao Senado que o BC dos EUA está “fortemente comprometido” em reduzir a inflação, porém não descartou a possibilidade de uma recessão.

No Brasil, o Banco Central elevou nesta quinta-feira sua projeção para o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro em 2022 para 1,7%, ante estimativa de 1,0% apresentada há três meses, mas citou incertezas sobre as previsões.

Nesta manhã, dados da Fundação Getulio Vargas (FGV) mostram que o IPC-S da terceira quadrissemana de junho de 2022 variou 0,76% e acumula alta de 10,41% nos últimos 12 meses.

Na Europa, o Índice de Gerentes de Compras Composto (PMI, na sigla em inglês) do S&P Global, visto como um bom indicador da saúde econômica geral, caiu para 51,9 em junho de 54,8 em maio, muito abaixo dos 54,0 previstos em pesquisa da Reuters e seu nível mais baixo desde fevereiro de 2021.

 “O crescimento econômico da zona do euro está mostrando sinais de hesitação à medida que o impulso da demanda reprimida pela pandemia já está desaparecendo, tendo sido compensado pelo choque do custo de vida e pela queda da confiança dos consumidores e das empresas”, disse Chris Williamson, economista-chefe de negócios da S&P Global.

No campo corporativo, os papéis da PetroRio (PRIO3) encerraram em baixa de 3,76%, a R$ 20,47.

Segundo Vitorio Galindo, analista de investimentos CNPI e head de análise fundamentalista da Quantzed – empresa de tecnologia e educação financeira para investidores -, a queda da PetroRio se deve à discussão da taxação de exportação de petróleo e na interferência do governo em tentar reduzir o preço do combustível e desincentivar a exportação de petróleo.

“Acho que isso tem influenciado não só no preço da PetroRio, mas empresas de outro setor. Além disso, o preço do Brent tem caído bastante”, afirma o analista.

Galindo ressaltou ainda que a companhia tem criado muito valor para os acionistas. “Todo investidor deveria procurar por empresas que criam valor para acionistas e são boas alocadores de capital. Isso faz muita diferença no médio e longo prazo para quem investe nessas empresas. É uma empresa bem tocada, que cria valor. Está negociando a compra de mais um ativo e tem muita coisa positiva acontecendo”, disse.

Outro destaque foram as ações do Banco Inter, que fecharam em forte queda em estreia na Nasdaq, em Nova York. Os ativos fecharam em baixa de 12,56%, a US$ 3,48. Para Vitorino Galindo, o principal motivo para a desvalorização do banco, “é a questão dos juros subindo lá fora”.

Com Reuters

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas