Prejuízo acumulado em quatro meses do IRB passa de R$ 12 milhões

Segundo a companhia, o resultado líquido do mês de abril de deste ano pesou, sendo ele negativo em R$ 92,7 milhões

Na última terça-feira (21), o IRB Brasil RE (IRBR3) divulgou ao mercado o seu resultado nos primeiros quatro meses do ano, com um péssimo desempenho. A empresa registrou um prejuízo acumulado de R$ 12,2 milhões nos primeiros quatro meses deste ano, ante lucro líquido de R$ 1,9 milhão no mesmo período do ano anterior.

Segundo a companhia, o resultado líquido do mês de abril de deste ano pesou, sendo ele negativo em R$ 92,7 milhões. No mesmo período em 2021, o prejuízo foi bem menor, sendo de R$ 48,9 milhões.

O prêmio emitido pelo IRB totalizou R$ 552,8 milhões em abril de 2022, representando uma queda expressiva de 29,7% na comparação com o mês de abril do ano passado. Agora nos quatro primeiros meses deste ano, o prêmio emitido atingiu o montante de R$2,557 bilhões, com queda de 5,8% em relação ao mesmo período de 2021, mesmo menor, a queda ainda aconteceu.

Os resultados negativos são revelados em um momento complicado para a empresa na bolsa. A ação da IRBR3 não vai bem e acumula baixa de mais de 50% no último ano e em 2022, uma queda de quase 30%.

As explicações sobre os resultados da companhia serão apresentados por ocasião da divulgação das demonstrações contábeis, prevista para o segundo semestre, no dia 15 de agosto, de acordo com a empresa.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas