Destaques da Bolsa: IRB Brasil (IRBR3) cai mais de 10%; Méliuz (CASH3) sobe 7%

Confira os destaques desta quarta-feira (22)

O Ibovespa fechou em queda nesta quarta-feira (22), acompanhando as principais bolsas dos Estados Unidos.

O principal índice da B3 encerrou em baixa de 0,16% aos 99.522,32 pontos.

IRB Brasil (IRBR3) teve forte queda de 10,60%. A companhia teve prejuízo de R$ 92,7 milhões em abril, maior do que a perda de R$ 48,9 milhões um ano antes.

Ações ligadas a commodities ficaram entre as maiores quedas. 3R Petroleum (RRRP3) caiu 6,68%, PetroRio (PRIO3) recuou 6,42%, enquanto os papéis da Petrobras (PETR3;PETR4) perderam 0,47% e 0,30%, respectivamente.

Vale (VALE3) desvalorizou 0,86%, CSN (CSNA3) perdeu 4,60%, Gerdau (GGBR4) registrou baixa de 3,94% e Metalúrgica Gerdau (GOAU4) caiu 3,40%.

Já entre os destaques positivos, Minerva (BEEF3) teve alta de 3,77% e BRF (BRFS3) ganhou 4,81%.

Maiores altas: Méliuz (CASH3) +7,69%, BTG Pactual (BPAC11) +5,55%, BRF (BRFS3) +4,81%, Minerva (BEEF3) +3,77% e Natura (NTCO3) +3,76%

Maiores baixas: IRB Brasil (IRBR3) -10,60%, 3R Petroleum (RRRP3) -6,68%, SLC Agrícola (SLCE3) -6,45%, PetroRio (PRIO3) -6,42% e CSN (CSNA3) -4,60%

Confira os destaques desta quarta-feira:

IRB Brasil (IRBR3) 

O IRB Brasil teve prejuízo de 92,7 milhões de reais em abril, maior do que a perda de 48,9 milhões um ano antes, com aumento no índice de sinistralidade. O desempenho fazia as ações da resseguradora recuarem fortemente na bolsa paulista nesta quarta-feira.

A despesa de sinistro em abril totalizou 478 milhões de reais, quase estável ano a ano, mas o índice de sinistralidade passou a 103,1%, de 84,3% um ano antes, em resultado afetado, segundo a empresa, principalmente pelo segmento de agronegócio.

O prêmio emitido somou 552,8 milhões de reais em abril, queda de 29,7% na frente ao mesmo período do ano anterior. O declínio na operação Brasil foi de 7,2%, para 338,5 milhões de reais, e no exterior foi de 49,1%, para 214,4 milhões.

Nos primeiros quatro meses do ano, o IRB acumulou prejuízo de 12,2 milhões de reais, ante lucro líquido de 1,9 milhão no mesmo período do ano passado,segundo os dados divulgados pela resseguradora na noite de terça-feira.

CSN (CSNA3) 

A CSN confirmou nesta quarta-feira que contratou uma assessoria financeira para avaliar oportunidade de aquisição de participação na mineradora Samarco, que está em recuperação judicial, segundo comunicado ao mercado.

A companhia siderúrgica disse que “sempre avalia oportunidades de investimento em linha com sua estratégia de negócio” e reiterou que, no momento, não existe nenhum fato ou documento vinculante que mereça divulgação.

Segundo fonte ouvida pela Reuters, a CSN contratou a RK Partners para elaborar proposta de compra do controle da Samarco. A RK Partners estaria entrando em contato com os donos da Samarco, Vale e BHP, assim como com sindicatos e credores financeiros.

Petrobras (PETR3;PETR4)

O Comitê de Elegibilidade (CELEG) da Petrobras recebeu nesta terça-feira os relatórios necessários para analisar a indicação de Caio Paes de Andrade à presidência da estatal.

A Petrobras informou ainda que a reunião do Comitê será realizada na próxima sexta-feira (24). 

Com Reuters

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas