Oi (OIBR3) adia novamente balanço do 1T22 e divulga resultados preliminares

A justificativa que a companhia deu pelo atraso está na venda da Infraco

A Oi (OIBR3) anunciou em fato relevante na última segunda-feira (20) que adiou pela segunda vez a divulgação de resultados do primeiro trimestre deste ano. A nova data passou para a próxima terça-feira (28).

A justificativa que a companhia deu está na venda da Infraco, unidade da Oi dedicada à construção de infraestrutura óptica, e da Oi Móvel, vendida às concorrentes TIM (TIMS3), Claro e Vivo (VIVT3). Isso fez com que o impacto das vendas nas demonstrações financeiras da empresa de telefonia atrasassem a divulgação.

No entanto, a Oi antecipou, de forma preliminar, a divulgação dos principais dados do balanço. Segundo a empresa, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) de rotina – indicador de caixa operacional –, foi de R$ 1,220 bilhão, alta de 8,1% sobre o primeiro trimestre do ano passado.

Já a receita líquida caiu de R$ 4,395 bilhões para R$ 4,383 bilhões, queda de 0,27%. O caixa encerrou o período em R$ 1,983 bilhão, cifra 34,5% inferior à reportada um ano antes.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas