BBAS3: ”está em ‘modo compra’ após o último rompimento”, diz Fabrício Lorenz

O analista técnico afirmou que após romper a região dos R$ 36, o ativo pode valorizar em torno de 30%

O analista técnico da L&S, Fabrício Lorenz, analisou os papéis de Banco do Brasil (BBAS3), destacando que agora que o ativo rompeu a região dos R$ 36, está em uma patamar interessante de compra. 

Lorenz destacou que entre os grandes bancos, o Banco do Brasil é o ativo mais interessante este ano, dado que valorizou 30% em 2022. 

Durante a análise, Lorenz afirmou que após o rompimento dos R$ 36 na última sexta-feira (20), o ativo pode valorizar em torno dos 30%.

Por fim, o analista afirmou que o próximo patamar a ser atingido está nos R$ 47.

Confira a gráfico da análise:

Analise BBAS3

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas