Quanto rende investir em startups?

O sucesso nos investimentos em startups não se resume aos unicórnios, e sim ao portfólio. Saiba mais

Para quem não tem muita familiaridade com investimentos em startups, os casos de sucessos estrondosos parecem comuns. Mas a realidade é outra: para um investimento com um retorno inimaginável, muitos outros com pouca ou nenhuma rentabilidade foram feitos. 

Quem investiu em empresas como Airbnb, Nubank e 99, certamente não imaginava, na época, o caminho que essas empresas tomariam. O sucesso desses investidores gira em torno de uma palavra: portfólio. Ou seja, não deixar passar boas oportunidades e alcançar o rendimento no agregado do portfólio de investidas.

Mesmo para os fundos de investimento, que dedicam muito do seu tempo analisando e buscando startups em estágios mais avançados para investir, a média histórica de retorno é de 25% ao ano, segundo o National Bureau of Economic Research. Para o Harvard Business Review, essa rentabilidade flutua entre 25% e 35% ao ano.

Outro fator essencial para analisar a performance dos investimentos em startups é o tempo. Os investidores experientes não esperam retornos imediatos e consideram de sucesso um investimento que dobre o capital em um período de 10 anos.

O segredo do sucesso

É por isso que quem investe em startups precisa considerar todas as oportunidades de investimento, criando um portfólio com uma expectativa mais alinhada com a realidade: esperar que seus investimentos em startups deem a possibilidade de ter pelo menos um retorno exponencial. 

Mas, para isso, é preciso montar um portfólio, onde é possível ter mais chances de identificar uma startup que dará muito certo. Apenas 10% a 20% das investidas no portfólio precisam ser, de fato, exponenciais para que se atinja a taxa média de retorno de 25% a 30% ao ano. Muitos fundos ganham a sua reputação após um ou dois investimentos do tipo.

Para ter a chance de encontrar as startups que darão muito certo é necessário montar o portfólio. E isso é possível através de plataformas de investimentos em startups, como a CapTable. Acesse a plataforma, confira as opções disponíveis e comece hoje mesmo a construir seus retornos do futuro.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas