“Os estrangeiros não voltarão na mesma magnitude”, diz chefe de análise da Eleven

Raphael Figueiredo explicou que o diferencial de juros já não é mais atrativo como foi no primeiro trimestre

O chefe de análise da Eleven, Raphael Figueiredo, destacou que os estrangeiros não voltarão na mesma magnitude do que assistimos no primeiro trimestre deste ano.

Em entrevista ao BM&C News, Figueiredo explicou que isso acontece em razão, sobretudo, por estar muito atrelado ao que chamamos de diferencial de juros. Nesse sentido, o chefe de análise afirmou que ele tende a ficar um pouco menor, isso porque, no Brasil paramos de subir juros e lá fora os juros vão subir.

Por fim, Figueiredo disse que esse diferencial já não é mais atrativo, como estava no nos primeiros meses deste ano, havia um “ganha, ganha”, visto que tinha um diferencial de juros e combinava com o mercado de commodities extremamente atrativo.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas