Avião com 132 ocupantes pode ter sido derrubado de propósito na China; relembre vídeo

Foco da investigação agora está em pilotos, de acordo com fonte do 'Wall Street Journal'

De acordo com as informações divulgadas pelo “Wall Street Journal”, dados apontam que a queda do avião da China Eastern foi provocada intencionalmente por alguém no cockpit. O Boeing 737 da companhia chinesa caiu dia 21 de março deste ano, com 132 pessoas a bordo, sendo 123 passageiros e nove tripulantes. 

No momento do acidente, o Boeing 737-800 estava em altíssima altitude em uma posição quase vertical, quando se chocou contra uma montanha com velocidade extrema. 

Dados coletados através da caixa preta do avião chinês indicam que as entradas nos controles empurraram o avião para o mergulho fatal, provocando o acidente, afirmaram essas pessoas ouvidas pelo “WSJ”.

Nesta ocasião, a investigação mudou o foco para os pilotos, segundo a fonte, complementando que alguém no avião poderia ter invadido a cabine e o derrubado deliberadamente.

A conclusão da investigação de acidentes como este pode demorar um tempo até chegar nas causas e fatores que cooperaram para o acidente. No entanto, a China Eastern começou a devolver os 737-800 aos céus, depois de deixar em terra toda a sua frota por cerca de um mês após o acidente.

Releembre o vídeo:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas