“As commodities que direcionam o mercado macro”, diz Raphael Figueiredo

O chefe de análise destacou que a China puxa o freio de mão com os lockdowns, mas também estimula a economia

O chefe de análise da Eleven, Raphael Figueiredo, explicou o seu post no Twitter “o mercado de commodities são sempre elas”, dado que quase 40% do Ibovespa pertence às commodities. 

Outro ponto levantado pelo chefe de análise, é que independente das incertezas políticas, quem dará a direção macro do nosso mercado é o mercado de commodities. 

Figueiredo destacou alguns pontos que podem direcionar o cenário macro: a escassez das commodities por conta do conflito geopolítico, problemas na cadeia de suprimentos e lockdown na China.

Por outro lado, Figueiredo explicou que do mesmo modo que a China puxa o freio de mão criando os lockdowns, ela também tem a capacidade de soltar a corda, e aquecer sua economia com medidas de estímulos forte que irão refletir no mercado brasileiro um grande parceiro comercial.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas