Auxílio-acidente: novas regras alteram benefício; veja se você tem direito

Anteriormente, os segurados que sofriam o acidente, uma vez concedido o benefício, não era necessário ser submetido por novas perícias

O auxílio-acidente passou por mudanças, após o governo publicar medida provisória 1.113 no dia 20 de abril. Na nova regra, para a concessão do benefício, o trabalhador será submetido à avaliação de perícia técnica sempre que for convocado.

Anteriormente, os segurados que sofriam o acidente, uma vez concedido o benefício, não era necessário ser submetido por novas perícias.

Para ser beneficiado, os trabalhadores que tenham sofrido algum tipo de acidente e que, por conta disso, apresente alguma diminuição na capacidade de trabalho, estão elegíveis a receber o auxílio-acidente concedido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

No entanto, caso o segurado continue exercendo suas funções de trabalho, não perderá a indenização, uma vez que o benefício não trata-se de uma aposentadoria.

Tem direito pessoas que contribuam com a Previdência Social.

Para solicitar o auxílio, o trabalhador pode entrar em contato por meio dos canais de atendimento telefônico 135 ou pelo site do INSS.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas