Ibovespa fecha em leve queda na contramão de Wall Street

Petrobras e bancos foram os principais impulsos ao Ibovespa, enquanto B3, Vale e WEG fizeram pressão no lado oposto

O Ibovespa fechou em baixa nesta terça-feira, após variar entre tímidas perdas e ganhos durante o pregão, uma vez que os investidores adotaram postura de cautela antes de decisões de política monetária nos Estados Unidos e no Brasil previstas para esta semana.

Petrobras e bancos foram os principais impulsos positivos do índice, enquanto B3, Vale e WEG fizeram pressão no lado oposto.

No Brasil, começou hoje a reunião do Copom, o Comitê de Política Monetária do Banco Central. A decisão também será divulgada amanhã e o consenso do mercado prevê elevação de 1 ponto percentual da Selic para 12,75% ao ano.

Segundo o BC, a partir deste mês, as reuniões do colegiado terão mais tempo para apresentações técnicas sobre conjuntura econômica, que serão feitas nas manhãs e tardes de terça-feira e também na manhã de quarta-feira.

Entre as notícias do dia, a inflação ao produtor (PPI) registrou mais um forte aumento na Europa. Em março, os preços nos portões das fábricas nos 19 países que compartilham o euro aumentaram 5,3% em relação ao mês anterior, atingindo uma alta anual de 36,8%.

Por aqui, destaque para a produção industrial, divulgada pelo IBGE 9 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) pela manhã. A produção das indústria no país teve avanço de 0,3% em março na comparação com o mês anterior.

Na comparação com o mesmo mês do ano passado, a produção registrou queda de 2,1%.

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, fechou em queda de 0,10%, cotado a 106.528,09 pontos.

dólar comercial fechou em queda de 2,15%, cotado a R$ 4,9635.

Nos Estados Unidos, as bolsas fecharam despencando. O S&P 500 fechou subindo 0,48% (4.175,27), a Dow Jones registrou uma variação positiva de 0,20% (33.127,01), enquanto a Nasdaq encerrou o dia em alta de 0,22% (12.563,76).

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas