Carteiras recomendadas ModalMais e NuInveste fecham março acima do Ibovespa

No acumulado do primeiro trimestre de 2022, a vencedora foi a carteira Itaú Top 5, com alta de 16,08%
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

A carteira recomendada ModalMais foi a que mais valorizou em março, com rentabilidade de 7,72%, segundo o ranking da Grana Capital

O portfólio NuInveste ficou em segundo lugar, com 6,33%. Apenas as duas carteiras fecharam o mês acima do Ibovespa, que subiu 6,06%. 

O ranking de março da Grana Capital inclui as carteiras publicamente recomendadas de oito das dez maiores corretoras do país. O ranking foi composto pelas seguintes instituições: ModalMais, NuInvest, Inter, Banco do Brasil, Santander, Rico, XP Investimentos e Itaú. 

De acordo com a análise, março foi o primeiro mês de 2022 em que nenhuma carteira ficou abaixo de zero. 

Entre as ações mais sugeridas, Assaí (ASAI3) foi a que mais subiu, com variação positiva de 21%. Na outra ponta, o papel que mais caiu foi o BDR da TSMC (TSMC34), com queda de 11,7%. 

Os ativos que mais se repetiram nas recomendações foram: Vale (VALE3) com valorização de 3,60%, que apareceu em seis recomendações, seguido por Petrobras (PETR4), com -1,62%, BTG Pactual (BPAC11), com 1,36% e B3 (B3SA3), com 7,75%, que figuraram em três recomendações. 

Segundo o relatório, a carteira ModalMais foi puxada pela alta de 17,11% da Minerva (BEEF3). Já a da NuInveste foi beneficiada pela Triunfo (TPIS3), que fechou com 17,05%. 

Carteiras recomendadas primeiro trimestre

No acumulado do primeiro trimestre de 2022, a vencedora foi a carteira Itaú Top 5, com alta de 16,08%. Em seguida, está o Santander, com 15,73%, seguido pelo Inter, com alta de 12,69%. Entre as carteiras do ranking, Itaú Top 5 e Santander performaram acima do Ibovespa, que fechou com 14,5%, o melhor desempenho trimestral desde 2020.

Nos rankings anteriores ao do mês de março, o Santander foi o vencedor em fevereiro, com 3,81%, e o mês de janeiro foi liderado pela carteira Itaú Top 5, com alta de 12,35%.

No trimestre, as ações mais recomendadas foram: Vale (VALE3), que ganhou a posição por três meses seguidos, acompanhada por Petrobras (PETR4) e BTG (BPAC11).

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas