Quem é a suposta ‘amante’ de Putin, que tem petição para ser expulsa da Suiça

A petição online, criada há duas semanas, conta com mais de 65 mil assinaturas

Ex-ginasta, medalhista olímpica e mãe de quatro filhos, supostamente frutos do romance com o presidente russo Vladimir Putin, Alina Kabaeva, 38, é alvo de uma petição que pede sua expulsão da Suiça, onde mora atualmente.

A petição online, criada há duas semanas e que conta com mais de 65 mil assinaturas, pede para expulsá-la do país, além de destituir seus títulos e medalhas: “Ela é a esposa favorita do ditador delirante e criminoso de guerra, que vem atacando traiçoeiramente a Ucrânia nas últimas semanas”.

“Uma suposta mãe que está bem com seu cônjuge/amante assassinando e bombardeando pessoas inocentes, incluindo bebês e crianças, não é um exemplo do ideal olímpico”, diz ainda a petição.

No texto, Alina também é comparada com Eva Braun, companheira de longa data de Adolf Hitler.

image 1 1
Reprodução/Chare.org

HISTÓRIA NO ESPORTE

Kabaeva conquistou seu primeiro campeonato europeu aos 15 anos. Ao todo, ela possui 18 títulos mundiais, 25 títulos europeus e duas medalhas olímpicas (de bronze e de ouro) na conta. A ex-ginasta se aposentou aos 22 anos.

Com isso, Alana decidiu seguir o caminho da política. Com 24, se tornou deputada pelo partido de Putin e foi aí que nasceram os boatos de que ela mantinha um relacionamento secreto com o presidente.

Em 2014, as notícias ficaram ainda mais fortes quando Putin anunciou o divórcio com Lyudmila, sua esposa na época, após mais de 30 anos de casamento. Nessa mesma fase, Alina, oficialmente solteira, engravidou.

NADA OFICIAL

Apesar dos boatos, Putin seguiu negando ter um relacionamento com Kabaeva. A ex-ginasta tem quatro filhos, que podem ser frutos da relação com o chefe de Estado, mas isso nunca foi confirmado.

No entanto, algo intriga: o jornal que revelou o romance fechou meses após a notícia, por ter perdido parte dos recursos que o financiavam.

A imprensa internacional também relata que amigos de Alina estariam implorando para que ela convencesse Putin a acabar com a guerra.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas