“O ritmo da atividade econômica vai ser muito afetado”, diz professor sobre a alta do petróleo

O professor de administração financeira destacou que os países vão comprar cada vez menos petróleo
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

A agência de classificação de risco Fitch elevou sua projeção de preços para petróleo e gás para o período de 2022 a 2024, para refletir os crescentes riscos de interrupção na oferta da Rússia em decorrência da guerra com a Ucrânia. 

O professor de administração financeira, Samir Bazzi, destacou que o ritmo da atividade econômica será muito afetado, não somente por conta do petróleo, mas pela dependência do gás russo, que criará uma dependência maior pelo petróleo.

Nesse sentido, o professor explicou que, os fornecedores de petróleo estão cientes que o preço vai subir, e consequentemente, os países vão comprar menos petróleo.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas