Mesmo com Bolsa brasileira barata, é o momento de internacionalizar investimentos, diz estrategista

O estrategista pontuou que o preço dos ativos brasileiros estavam muito depreciados no ano passado e que, agora, existe uma reversão disso, porém que não teve nenhuma mudança estrutural

A alta das commodities e do petróleo tem impulsionado a Bolsa brasileira. No entanto, apesar da Bolsa brasileira ter se destacado neste ano até o momento, William Castro Alves, estrategista-chefe da Avenue, avaliou que é o momento de apostar no cenário internacional.

“A gente tem uma janela de oportunidade de internacionalizar. Tem hoje ações nos Estados Unidos que caíram frente às máximas de 2021. Tem um dólar mais barato frete ao R$5,75 que a gente já viu batendo”, avaliou durante participação na programação da BM&C News.

O estrategista pontuou que o preço dos ativos brasileiros estavam muito depreciados no ano passado e que, agora, existe uma reversão disso, onde tem muito fluxo entrando para investimento no Brasil, porém que não teve nenhuma mudança estrutural.

“Para 2022 teremos menos PIB e mais inflação”, disse fazendo uma comparação com os Estados Unidos. “O Brasil vai crescer menos dos que os Estados Unidos e vai ter uma inflação maior. O normal seria que a moeda brasileira continuasse se desvalorizando frente o dólar”, pontuou.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Matérias relacionadas