“Ninguém tem certeza até onde a Selic vai chegar”, diz analista de renda fixa

Copom aumentou em 1 ponto percentual a taxa básica de juros, a Selic, nesta quarta-feira (16).

O Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central, aumentou em 1 ponto percentual a taxa básica de juros, a Selic, nesta quarta-feira (16). Assim, a taxa passa de 10,75% para 11,75% ao ano. 

O analista de renda fixa da Nord Research, Christopher Gomes Galvão, destacou que atualmente não há certezas em que patamar a taxa Selic pode chegar, pois ainda não há dimensão absoluta dos efeitos da guerra entre Rússia e Ucrânia – principalmente, em relação aos preços dos combustíveis.

“O Banco Central deixou no ar que precisa de cautela para olhar os efeitos da guerra sobre o aumento das commodities na inflação”, afirmou Galvão durante sua participação na programação da BM&C News.

O analista explicou que é importante observar os próximos dados para o BC ajustar sua política monetária, visto que se demorar para agir, “o custo para controlar a inflação pode ser maior, podendo elevar a Taxa Selic ao patamar superior do que o previsto”.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Matérias relacionadas