Rafaela Vitória: “O governo não produz recursos, não tem como fazer o desconto do combustíveis”

A economista-chefe do Banco Inter destacou que não tem uma maneira de disfarçar custos, de alguma forma esse custo virá

Para a economista-chefe do Banco Inter, Rafaela Vitória, é importante ter um processo de ajustes nos preços dos combustíveis nesse movimento, visto que de alguma forma, esse processo reduz a volatilidade, segundo ela.

“O governo não produz recursos, não tem como fazer o desconto dos combustíveis”, disse Rafaela Vitória em sua participação no BM&C News.

Nesse sentido, a economista destacou que não tem uma maneira de disfarçar custos, qualquer tipo de controle de preços ou redução de impostos dos combustíveis, tem um outro custo para a economia.

“Se o preço do petróleo está caro, a gasolina será cara”, afirmou Rafaela. Portanto, a economista explicou que se o governo quer dar algum subsídio para o petróleo, será necessário retirá-lo de algum lugar ou fazer mais dívida.

“A redução do preço da gasolina pode beneficiar alguns, mas prejudica o restante da economia que irá bancar esse subsídio de alguma maneira”, finalizou a economista.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Matérias relacionadas