“É necessária a criação de corredores humanitários”, diz delegada da diplomacia civil

Priscila Caneparo destacou que a Rússia tem um interesse maior na criação dos corredores humanitários
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

As delegações da Rússia e da Ucrânia realizaram uma segunda rodada de negociações que deve continuar na próxima semana, os países concordaram com a criação de corredores humanitários para a entrada de provisões e para a retirada de civis.

A delegada da diplomacia civil para OCDE e ONU, Priscila Caneparo, destacou a importância da criação dos corredores humanitários. “É necessária a criação de corredores humanitários”.

Em participação no BM&C News, Priscila explicou que os corredores humanitários são locais onde não é permitida nenhuma ação militar, justamente para permitir com que os civis passem, e nesse movimento migratório ingressem em outro território para buscar proteção.

No entanto, a delegada destacou que é necessário entender a motivação da Rússia em ter aceitada a criação desses corredores. “Até que ponto a Rússia tem interesse em garantir os direitos humanos com a criação dos corredores humanitários”, indagou a delegada.

Portanto, Priscila explicou que a Rússia aceitou porque,assim que os corredores são construídos, é necessário evacuar a região, as forças militares e civis. 

“Evacuando essa região, a Rússia entendeu que ficaria mais fácil conquistar esse território”, explicou Priscila.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas