Taiwan reporta 9 aeronaves chinesas no espaço aéreo defensivo, diz Reuters

O aviso chega no mesmo dia em que a Rússia invadiu a Ucrânia

A força aérea de Taiwan reportou um alerta, nesta quinta-feira (24), de que nove aeronaves chineses entraram em sua zona de defesa aérea, disse o Ministério da Defesa de Taiwan, com informações da Reuters.

O aviso chega no mesmo dia em que a Rússia invadiu a Ucrânia. Taiwan tem observado com cautela a crise na Ucrânia, com medo de que a China tente aproveitar para se mudar para a ilha, informa a agência.

Na última quarta-feira, a China deu um aviso que a ilha “não é a Ucrânia” e sempre foi parte inalienável do país. Com isso, o presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, pediu um reforço a vigilância sobre atividades militares em resposta à crise.

Taiwan, que a China reivindica como seu próprio território, reclamou de missões regulares da força aérea chinesa nos últimos dois anos, embora não se aproxime de Taiwan.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Matérias relacionadas