Dólar à vista fecha em queda de 0,99%, a R$ 5,12

A moeda ficou em baixa ao longo de todo o dia, oscilando entre R$ 5,17 (-0,03%) e R$ 5,12 (-1,01%)

O dólar seguiu perdendo valor e fechou numa mínima em seis meses e meio, na terceira queda seguida, com operadores reagindo a uma melhora global de ativos de risco após o banco central norte-americano evitar nova surpresa altista para os juros na ata de sua última reunião de política monetária nesta quarta-feira.

A manutenção do tom do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) deu mais fôlego a um movimento já em curso de fluxos de capital ao Brasil e que mais cedo já havia deixado o real entre as divisas com melhor performance no dia, mesmo quando pares emergentes perdiam valor.

O dólar à vista caiu 0,99%, a R$ 5,12 na venda. É o menor patamar desde 29 de julho do ano passado (R$ 5,07).

A moeda ficou em baixa ao longo de todo o dia, oscilando entre R$ 5,17 (-0,03%) e R$ 5,12 (-1,01%).

Em três sessões consecutivas de baixa, o dólar perdeu 2,17%. Em fevereiro, a queda é de 3,33%, enquanto em 2022 já atinge 7,98%.

O real tem o melhor desempenho global tanto no mês quanto no ano.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas