Ações europeias se recuperam com alívio em tensões Rússia-Ucrânia

Investidores ficaram abalados com temores de uma invasão russa na Ucrânia, o que elevou a volatilidade e derrubou as ações na segunda-feira

As ações europeias recuperaram parte das perdas recentes nesta terça-feira, após informações de que algumas tropas russas perto da Ucrânia estavam retornando às bases, enquanto notícias corporativas positivas também ajudaram o sentimento.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 1,43%, a 467,56 pontos, depois de cair por três sessões consecutivas. Na véspera, o índice terminou em seu menor nível desde 24 de janeiro.

As ações saltaram após a Rússia dizer que algumas de suas tropas estavam retornando à base após exercícios perto da Ucrânia, uma medida que pode diminuir atritos entre Moscou e o Ocidente. A Otan, no entanto, disse que ainda não viu nenhuma evidência de desescalada.

“Os ganhos refletem um modesto alívio das tensões na fronteira ucraniana, com as tropas russas aparentemente retornando à base por ora”, disse Danni Hewson, analista financeira da AJ Bell.

Investidores ficaram abalados com temores de uma invasão russa na Ucrânia, o que elevou a volatilidade e derrubou as ações na segunda-feira. Um índice de volatilidade para as ações da zona do euro caiu para 27,1 pontos nesta terça-feira, após atingir uma máxima em três semanas de 33,95 pontos.

Enquanto isso, as ações do setor de saúde lideraram os ganhos neste pregão, com a AstraZeneca saltando 5,8% após notícias positivas sobre um teste em estágio avançado de um tratamento para câncer de próstata.

Já a mineradora Glencore, listada no Reino Unido, ganhou 1,2% após vender sua participação na Russneft, da Rússia.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 1,03%, a 7.608,92 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,98%, a 15.412,71 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,86%, a 6.979,97 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 2,09%, a 26.967,98 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,68%, a 8.718,00 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 2,47%, a 5.643,62 pontos.

Compartilhe:

Matérias relacionadas