Wall St termina em forte queda por temores de conflito na Ucrânia

De acordo com dados preliminares, o S&P 500 perdeu 1,90%, para 4.418,32 pontos

As ações em Wall Street fecharam em forte queda nesta sexta-feira pela segunda sessão consecutiva, com investidores preocupados com o recrudescimento das tensões entre Rússia e Ucrânia.

O índice S&P 500 fechou em queda de 1,90%, a 4.418,64 pontos. O Dow Jones caiu 1,43%, a 34.738,06 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuou 2,78%, a 13.791,15 pontos.

Nove dos 11 principais índices setoriais do S&P 500 caíram, liderados por tecnologia (-3,0%) e consumo discricionário (-2,8%).

O índice do setor de energia saltou 2,8%, com os preços do petróleo cravando máximas em sete anos.

Já temerosos com a inflação e o esperado aumento das taxas de juros, operadores aceleraram as vendas em Wall Street depois de o governo dos EUA alertar que a Rússia havia reunido tropas suficientes perto da Ucrânia para lançar uma grande invasão e que um ataque poderia começar a qualquer dia.

“Nós apenas temos que ver como isso se desenrola no fim de semana e se a liderança internacional pode ou não abafar isso”, disse Thomas Hayes, membro-gerente da Great Hill Capital LLC em Nova York. “Se não, então os efeitos indiretos podem ser materiais, e é com isso que os mercados estão preocupados.”

Compartilhe:

Matérias relacionadas