Eletrobras aprova aumento de capital da Eletronorte em R$1,9 bi

Desta forma, o capital social da Eletronorte passará para 13,5 bilhões de reais e o número de ações chegará a 168.044.751 papéis ordinários nominativos, sem valor nominal

O conselho de administração da Eletrobras aprovou o aumento de capital de sua subsidiária Eletronorte em 1,9 bilhão de reais, por meio da emissão de 13.951.250 de novas ações ordinárias nominativas, ao preço de 138,35 reais por ação, conforme fato relevante divulgado nesta quinta-feira.

Desta forma, o capital social da Eletronorte passará para 13,5 bilhões de reais e o número de ações chegará a 168.044.751 papéis ordinários nominativos, sem valor nominal.

As ações serão subscritas e integralizadas pela Eletrobras com as ações ordinárias que detém na Norte Energia (NESA), equivalente a 15% do capital social. A NESA é operadora da Usina Hidrelétrica Belo Monte.

“Com a operação acima citada, a Eletrobras deixará de deter participação direta na NESA e permanecerá com a participação indireta de 49,98%, por meio das controladas Eletronorte e Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf)”, ressaltou a elétrica.

A conclusão da operação ainda depende da realização de assembleia de acionistas, realizada pela Eletronorte, além de trâmites societários necessários para a mudança de titularidade das ações da NESA.

Compartilhe:

Matérias relacionadas