Balanços fortes e notícias de fusões e aquisições impulsionam ações europeias

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,45%, a 477,01 pontos

As ações europeias fecharam em alta pela terceira sessão consecutiva nesta quarta-feira, com fortes resultados corporativos do quarto trimestre e possibilidades de acordos entre empresas superando preocupações com aumentos de juros, antes de decisões importantes de bancos centrais previstas para quinta-feira.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,45%, a 477,01 pontos.

O grupo francês de consultoria de tecnologia da informação Atos saltou mais de 8% e teve o melhor desempenho no índice, depois de a Reuters informar que a empresa de tecnologia Thales está considerando fazer uma oferta pelo setor de segurança cibernética da Atos.

Fortes balanços também ficaram no radar. O grupo sueco de tecnologia industrial Hexagon ganhou 4,5%, depois de superar as expectativas do mercado com lucros trimestrais recordes.

O foco agora se volta para as reuniões do Banco Central Europeu (BCE) e Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês), na quinta-feira, com a inflação alta aumentando as expectativas de elevações das taxas de juros.

“O BCE deve achar cada vez mais difícil justificar sua abordagem de ‘olhar além’… com o Federal Reserve (banco central norte-americano) pronto para elevar a taxa de juros no próximo mês e o BoE subindo os juros ainda mais amanhã, o risco de uma saída acelerada do BCE (de sua política monetária frouxa) está aumentando”, disseram Rainer Guntermann e Hauke ​​Siemssen, estrategistas de juros do Commerzbank, em nota.

Os papéis do setor financeiro subiram 1,1% e se beneficiaram, nas últimas semanas, da perspectiva de um ambiente de taxas de juros mais altas. Os bancos europeus atingiram seu maior nível desde setembro de 2018.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,63%, a 7.583,00 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,04%, a 15.613,77 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,22%, a 7.115,27 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,60%, a 27.388,73 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,15%, a 8.713,20 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,04%, a 5.627,96 pontos.

Compartilhe:

Matérias relacionadas