Petróleo: “a expectativa é que a OPEP mantenha o aumento da demanda”, avalia especialista

Caio Carvalhal destacou que em 2020 a OPEP reduziu a produção para chegar no equilíbrio

Para o economista e sócio da Atmosphere Capital, Caio Carvalhal, a expectativa da reunião da OPEP é que ela mantenha esse cronograma no petróleo, como tem feito desde o final de 2021. “A expectativa é a OPEP mantenha o aumento da demanda”, afirmou.

Em participação ao BM&C News, Carvalhal destacou que no ano passado, a cada mês para segurar o preço do petróleo, quando teve aquele grande colapso em abril de 2020, a OPEP reduziu a produção para chegar no equilíbrio, quando a demanda caiu, o preço colapsou e eles reduziram a oferta. 

Portanto, o especialista explicou que desde o final de 2021, a OPEP vem mantendo um ritmo de aumento de produção de cerca de 400 mil barris por dia a cada mês. “A expectativa para essa decisão é que seja mantida, como está a 5 meses”, disse.

“Na minha visão, o preço do petróleo está no patamar dos US$ 87, em que enxergo como preço de equilíbrio”, ressaltou.

Sendo assim, Carvalhal pontuou que, quando se refere ao preço de equilíbrio de petróleo, é o preço onde basicamente os produtores têm estímulo para produzir na medida que existe a demanda.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas