Dados do IBC-Br: “teremos notícias surpreendentes para novembro e revisão positiva para outubro”, avalia Alexandre Cabral

Para Alan Ghani, os dados foram positivos, visto que há 8 meses não havia alta no IBC-Br
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Segundo dados divulgados nesta segunda-feira (17) pelo Banco Central, o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) registrou alta de 0,69% em novembro de 2021, na comparação com outubro. Em participação ao BM&C Market, o analista Alan Ghani e o professor Alexandre Cabral, avaliaram os dados divulgados. 

Para Ghani, foi uma excelente notícia, porque há 8 meses consecutivos não havia alta. Portanto, o analista destacou que foi a maior alta desde fevereiro de 2021, puxada principalmente pelo setor de serviços. No entanto, o analista alertou que um problema ainda é que não vimos a recuperação das indústrias. “Visto que a indústria é um fator bastante importante para o crescimento econômico”.

Por outro lado, o professor Cabral destacou o IBGE no setor varejista, que divulgou um número positivo em relação a novembro, e realizou uma revisão positiva dos meses de setembro e outubro. “Curiosamente, tivemos melhoras nos números do IBGE e revisões para cima, portanto essas revisões justificam os dados do IBC-Br”, avaliou Cabral. Por fim, Cabral ainda afirmou que a partir de suas perspectivas é que podemos ter um PIB no quarto trimestre positivo.  “Teremos notícias surpreendentes para novembro e revisão positiva para outubro”.

Confira a análise na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook

Matérias relacionadas