Vendas pré-Black Friday já chegam aos R$ 2,8 bilhões, crescimento de 31%, aponta NielsenIQ|Ebit

As categorias que se destacaram no faturamento da Black Friday 2021 são oseletrodomésticos, celulares e casa e decoração
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

O varejo on-line já faturou R$ 2,8 bilhões com as vendas pré-Black Friday, sete dias antes da data oficial, esse período é conhecido como o período de “esquenta” das promoções.

Dessa forma, o faturado entre os dias 18 e 24 deste mês, aumentaram 31% acima do registrado na comparação com o mesmo período do ano passado, segundo um levantamento da consultoria NielsenIQ|Ebit.

Além disso, o levantamento aponta que as categorias com maior faturamento foram os eletrodomésticos, com 22% de participação, telefonia/celulares, com 19% de participação, e casa e decoração com 13%. Vale ressaltar que os eletrônicos, que incluem smartphones, lideram as listas de mais desejados na Black Friday, ficaram com 9% do faturamento nos sete dias anteriores à data oficial da promoção.

Em volume de vendas, o e-commerce registrou 5,1 milhões de pedidos dos dias 18 a 24. O número representa um aumento de 11% em relação a 2020, quando o varejo on-line observou uma alta de 23% sobre 2019.

A Black Friday acontece oficialmente na próxima sexta-feira (26), mas algumas promoções já começam na noite desta quinta-feira (25), incluindo shows com artistas e vendas de produtos em transmissões ao vivo pela internet.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.