Fred Castro analisa a questão das restrições de venda de combustíveis às distribuidoras

As restrições que a Petrobras impôs para as distribuidoras comprarem combustíveis é extremamente positiva para as grandes distribuidoras, afirma Fred
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no whatsapp

Nesta quinta-feira (25), em entrevista ao BM&C News, Fred Castro, gestor da Mirante Investimentos, expôs sua perspectiva em relação aos papéis de grandes empresas, como Raízen e Vibra com a questão das restrições de venda de combustíveis às distribuidoras e a necessidade de intensificar as importações.

“Este cenário que a Petrobras colocou de restrição para as distribuidoras comprarem combustíveis é extremamente positivo para as grandes distribuidoras”, diz Fred.

Fred destaca ainda que, como o governo está pressionando a companhia para não manter a paridade de importação, “a Petrobras simplesmente falou que não iria assumir a bronca sozinha, visto que esse mercado é livre e todo mundo pode comprar combustível, e restringiu o seu suprimento”.

Desse modo, favorece as demais distribuidoras, bem como, Raizen , Vibra e Grupo Ultra, “enquanto a Petrobras mantiver essas restrições e o petróleo estiver em patamares elevados, nós devemos enxergar margens positivas para as grandes distribuidoras”, finalizou.

Confira a entrevista na íntegra:

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.