Dona da Shopee, Sea quer levantar US$ 6,3 bilhões em venda de ações na Ásia

A plataforma busca explorar o interesse dos investidores da região, que tem crescido cada vez mais

A empresa de e-commerce e games Sea, dona da Shopee, pretende arrecadar US$ 6,3 bilhões em venda de ações e títulos conversíveis no Sudeste da Ásia.

Em menos de um ano, esta se torna a segunda maior arrecadação de fundos para a empresa, de acordo com informações da Reuters. A plataforma busca explorar o interesse dos investidores da região, que tem crescido cada vez mais.

Em documento enviado aos órgãos reguladores nesta quinta-feira (9), a Sea anunciou que quer vender 11 milhões de American Depository Receipts, os ADRs, com a opção de oferecer 1,65 milhão a mais como parte da opção greeshoe.

Veja mais:

A Sea também levanta US$ 2,5 bilhões em um título conversível que tem um greenshoe de US$ 375 milhões atrelada a eles.

No fechamento das ações da Sea negociadas em Nova York de quarta-feira, a venda dos papéis poderia levantar até US$ 3,8 bilhões. De acordo com dados da Refinitiv, este negócio seria o maior levantamento de capital já feito para uma empresa do sudeste asiático.

Ainda à Reuters, o diretor da Aequitas Research, Sumeet Singh, disse que a Sea “não está realmente queimando dinheiro”.

“Dado que a Sea tinha quase US $ 7 bilhões em caixa em seu balanço patrimonial no final do primeiro semestre, este negócio aumentará esse valor para quase US $ 13 bilhões”, complementou Singh.

Além disso, a Shopee planeja expandir na Europa e Índia, informa o veículo.

Se inscreva no nosso canal e acompanhe a programação ao vivo.

Compartilhe:

Últimas notícias

Matérias relacionadas